Página Inicial» Notícias» MS tem o pior mês de maio em sete anos na geração de empregos

MS tem o pior mês de maio em sete anos na geração de empregos

alt Mato Grosso do Sul fechou maio com saldo de 566 empregos formais. O volume é superior a abril, em 0,11%, mas inferior ao mesmo período do ano passado. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego. Em maio de 2013 o saldo era 2.666 empregos. Este é o pior resultado dos últimos sete anos para o mês de maio, segundo a série histórica do Caged em MS.

Os setores com vagas positivas foram agropecuária com 497 postos e indústria da transformação com 575 empregos. O setor de serviços também se destacou com saldo de 589 vagas no mês. Já os setores que mais demitiram no Estado foram construção, com com resultado negativo de 672 postos e o comércio com 214 empregos a menos.

Fonte: Correio do Estado

 
Lei Seca volta a valer no segundo turno das eleições no Estado
O TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Gr...
 
 
Mais de 50% dos votos nulos não podem anular um pleito
A aferição do resultado de uma eleição está...

U